Pai de santo é preso por abuso sexual; filha entre as vítimas

Prisão aconteceu na manhã desta terça-feira (11), em Custodópolis




11/06/2024, 11h18, Foto: Reprodução-Campos 24 Horas.


Vídeo ao final das informações - Um pai de santo foi preso por policiais civis da Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) na manhã desta terça-feira (11), na Rua Poeta Marinho, no bairro Custodópolis, em Guarus, Campos, acusado de importunação sexual, ameaça e curandeirismo. A investigação revelou dez vítimas, das quais seis foram abusadas sexualmente, incluindo sua própria filha. Além disso, quatro pessoas foram vítimas de estelionato, e uma delas foi mantida em condições análogas à escravidão.(Leia mais abaixo)


L.M.OS. usava sua posição de liderança religiosa para atrair e manipular suas vítimas. Segundo a polícia, a filha do acusado sofria os abusos desde os 14 anos, atualmente com 17 anos.(Leia mais abaixo)


Ele oferecia bebidas e drogas às mulheres, tornando-as vulneráveis e incapazes de resistir aos abusos. Uma das vítimas relatou que, além de ser abusada sexualmente, era obrigada a realizar tarefas domésticas na casa dele sem receber qualquer pagamento.(Leia mais abaixo)


Além dos abusos sexuais, ele pegava dinheiro das vítimas alegando que investiria em cursos da religião, mas utilizava os recursos em viagens e outros benefícios próprios, o que caracteriza crime de estelionato.(Leia mais abaixo)


Ainda de acordo com a polícia, L. era investigado pela DEAM desde setembro de 2022 em dez inquéritos policiais, pela prática de violação sexual mediante fraude, uma vez que o mesmo utilizava dos rituais religiosos (com a utilização de cachaça, cocaína e chá de santo daime) para manter relações sexuais com as vítimas, utilizando da fé, dos problemas de saúde e da fragilidade emocional delas, alegando que a cura se daria com a consagração do ato sexual. Os crimes acontecem há aproximadamente dez anos na casa do investigado. (Leia mais abaixo)


L. será encaminhado para o sistema prisional e ficará a disposição da Justiça. Veja vídeo abaixo.