Campos pode ter Centro Especializado de Atendimento à Mulher

Subsecretária dos Direitos da Mulher vai ao governo do Estado




13/01/2021, 13h08, Foto: Divulgação.

Implantar em Campos o CEAM (Centro Especializado de Atendimento à Mulher). Esta foi a principal pauta da agenda de trabalho da subsecretária Municipal dos Direitos da Mulher, Josiane Morumbi nesta terça-feira (12) junto ao Governo do Estado. Josiane, que esteve acompanhada da assistente social, Anne Caroline Cardoso, se reuniu no Espaço Cedim, no Rio, com a Subsecretária Estadual de Políticas para Mulheres, a Delegada Cristiana Onorato e técnicas do órgão para cuidar das tratativas de um convênio entre Estado e Município com coparticipação dos dois entes federados. (leia mais abaixo)


Além de tratar dos procedimentos para a implantação do CEAM, Josiane também solicitou a cessão dos bens móveis que se encontram acautelados desde 2011 no CEDIM (Conselho Estadual dos Direitos da Mulher) para serem utilizados na implantação do CEAM/Campos. Josiane Morumbi e a Delegada Cristiana Onorato estabeleceram como meta para implantação do CEAM/Campos a data 08 de março de 2021, por ser o Dia Internacional da Mulher. (leia mais abaixo)


"Vale destacar que o prefeito Wladimir está apoiando todo o processo e já fez gestão junto ao secretário Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Bruno Dauaire, para implantação do CEAM em Campos. Me sinto honrada por estar protagonizando com o prefeito esta conquista para as mulheres de Campos, tendo em vista que quando vereadora fui autora do projeto que autorizava o Município a criar o órgão para ampliar a rede de proteção do direito das mulheres em nossa cidade”, lembrou a subsecretária sem esconder o entusiasmo pelo tom positivo da reunião com as técnicas do governo do Estado.


“Posso afirmar que tivemos uma reunião de trabalho bastante proveitosa, pois além da subsecretária da pasta, tivemos a oportunidade pôr na mesa nossas propostas também para a Superintendente de Enfrentamento da Violência contra a Mulher, Vera Lúcia da Costa, e para a Superintendente de Projetos para Mulheres, Simone Campelo. Nossa agenda foi pautada por uma discussão técnica e especializada da política pública para mulheres”, destaca Josiane Morumbi.


Ela acrescenta que foi esclarecido para a Subsecretária Estadual de Políticas para Mulheres, a Delegada Cristiana Onorato, “que mesmo o município ofertando atendimento à mulher nos CREAS que estão inseridos no SUAS, há a necessidade de ampliar e especializar o atendimento da mulher como espaço de conquistas e superação de violação de direitos.