Saúde de Campos alerta para risco da gripe com a chegada do inverno

O município de Campos aplicou 42.101 doses do imunizante contra o vírus, de 1° de janeiro a 17 de junho, com uma cobertura vacinal de 16,32%




20/06/2024, 09h28, Foto: Divulgação.


A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) alerta que, com a chegada do inverno, nesta quinta-feira (20), o vírus Influenza, responsável pela gripe, circula com maior intensidade. É crucial compreender que a gripe não é um simples resfriado, ela pode desencadear complicações severas, especialmente em bebês, crianças, gestantes, idosos e indivíduos com sistemas imunológicos comprometidos.(Leia mais abaixo)


O município aplicou 42.101 doses do imunizante contra o vírus, de 1° de janeiro a 17 de junho, com uma cobertura vacinal de 16,32%. A campanha de vacinação contra a gripe deste ano em Campos durou do dia 25 de março até 31 de maio, e atualmente o imunizante é recomendado para toda a população, a partir dos 6 meses de idade.(Leia mais abaixo)


Segundo o médico alergista Ronald Young, a vacina contra a gripe se destaca como a forma mais eficiente, segura e comprovada de prevenção contra essa doença. “É fundamental entender que a imunidade adquirida pela vacinação leva de duas a três semanas para se estabelecer completamente. Portanto, receber a vacina com antecedência é crucial para estar protegido quando a circulação do vírus atinge seu pico durante o inverno”, explicou o médico.(Leia mais abaixo)


O alergista ainda disse que, infelizmente, além das proteções oferecidas pelas vacinas, não há medidas que sejam totalmente eficazes para proteger contra o vírus. “Uma alimentação balanceada, sono adequado, prática regular de exercícios físicos e redução do estresse contribuem para fortalecer o sistema imunológico e podem ajudar a diminuir os riscos de contrair o vírus da gripe”, destacou Ronald.(Leia mais abaixo)


O médico também explica que o inverno, com sua baixa umidade e temperaturas frias, cria um ambiente propício para a disseminação do vírus da gripe. “Ambientes fechados facilitam a transmissão, tornando essencial a adoção de medidas de higiene adequadas, como lavar as mãos frequentemente e cobrir a boca ao tossir ou espirrar”, alertou Young.(Leia mais abaixo)


De acordo com Ronald Young, os sintomas mais comuns da gripe são a congestão nasal; coriza (secreção incialmente clara e pouco espessa que evolui para amarelada ou esverdeada e espessa); dor no corpo; falta de apetite; fadiga; febre (que pode ser alta); tosse e desconforto na garganta. “Esses sintomas podem evoluir gradativamente para melhora, num prazo de três a cinco dias, ou podem persistir e piorar. Aos primeiros sinais de piora ou quando o paciente tem outras doenças ou comorbidades é fundamental consultar um médico”, disse o especialista.(Leia mais abaixo)


“A vacina contra a gripe é oferecida gratuitamente no nosso município, sendo uma medida de saúde pública acessível a todos. É uma oportunidade de proteger não apenas a si mesmo, mas também as pessoas mais vulneráveis que estão a nossa volta”, concluiu o alergista.(Leia mais abaixo)


O comerciante Eduardo Alexandre, de 57 anos, procurou a sala de vacinação da SMS para garantir proteção contra o vírus. “Me proteger contra a gripe é uma prioridade todos os anos, especialmente agora que estou mais velho e gerencio um negócio. Quero dormir tranquilo sabendo que estou fazendo tudo o que posso para me proteger e manter minha saúde em dia. Afinal, estar saudável é essencial para garantir que eu possa continuar cuidando do meu comércio e da minha família”, disse Eduardo.