Porto do Açu: mais de 2 mil pessoas em ações para discutir empregabilidade

Iniciativa inclui visitas ao complexo, palestras em universidades e oficinas no entorno do empreendimento




10/09/2019 | 14h41 | Foto: Divulgação.

Mais de duas mil pessoas participaram, ao longo deste ano, de ações promovidas pela Porto do Açu, com o objetivo de se aproximar da comunidade para discutir empregabilidade e identificar talentos da região. Entre as iniciativas promovidas com este intuito estão o “Portodos” – o Programa de Visitas do Porto do Açu, os Ciclos de Palestras realizados nas instituições de ensino do Norte Fluminense e as Oficinas de Empregabilidade realizadas nas comunidades do entorno do empreendimento.


“Como maior empreendimento da região, entendemos a importância de estreitarmos o relacionamento do Porto com a comunidade, de apoiarmos a formação profissional dos jovens e de oferecermos oportunidades aos talentos locais. Em nossas ações, compartilhamos informações sobre o complexo, o setor portuário e o mercado de trabalho, em geral. Através destas interações, temos ainda a possibilidade de identificar potenciais profissionais, já que a contratação na região é uma prioridade das empresas instaladas no complexo”, informou o gerente-geral de Recursos Humanos da Porto do Açu, Thiago Corrêa.


Além de promover diálogo entre o Porto do Açu e a comunidade local, as ações ainda divulgam a Rede de Empregabilidade do complexo, que concentra em um único banco de dados os currículos dos interessados em trabalhar no empreendimento. Hoje, já são 80 mil os candidatos cadastrados.


A jovem Lana Peixoto foi um dos talentos locais identificados através da Rede. Formada em Engenharia Civil e cursando Engenharia de Produção, ela se informou sobre o banco de currículos durante uma das palestras promovidas pela Porto do Açu, na universidade onde estuda. Após realizar cadastro e passar por processo seletivo, foi contratada como auxiliar administrativo no setor de Contratos. “Assim que me informei melhor sobre a Rede, atualizei meu currículo no site e me candidatei a uma vaga de estágio. Não fui chamada em um primeiro momento, mas o RH aproveitou o meu perfil para uma vaga efetiva e dentro da minha formação, superando a minha expectativa. Testemunhei o entusiasmo de todos os colaboradores nas palestras que assisti e estou muito feliz de, agora, fazer parte deste time”.


Das oito palestras realizadas ao longo do ano, quatro foram em unidades do Instituto Federal Fluminense. O reitor do IFF, Jefferson Manhães, ressaltou a importância desta relação bidirecional, que, além de aproximar ambas as partes, permite a convergência de interesses: “Para nós que somos educadores e formadores de profissionais é fundamental o contato com um empreendimento desta magnitude. Esta relação amplia o horizonte de oportunidades do nosso jovem, o motivando a se qualificar ainda mais. Por outro lado, é uma oportunidade para o Porto conhecer as possibilidades que temos a oferecer”.


Ainda como parte das ações voltadas para os jovens da região, a Porto do Açu irá participar da sétima edição da Feira de Oportunidades do IFF Centro, nos dias 26 e 27 de setembro. Na mostra, além de apresentar a infraestrutura atual do empreendimento e os projetos em andamento, a empresa promoverá três palestras conduzidas por representantes de diferentes áreas do Porto e irá reforçar a divulgação da Rede de Empregabilidade.


Todas as empresas do complexo e aquelas em fase de instalação, assim como as prestadoras de serviços, utilizam a Rede de Empregabilidade para contratação. Para realizar o cadastro de currículos no banco de dados do complexo, os interessados em trabalhar no Porto do Açu devem acessar o site vagas.com/rede-de-empregabilidade.