Eleição: Caio confirma apoio a Wladimir, Thiago analisa e Dudu no Republicanos

Deputado Rodrigo Bacellar e prefeito Wladimir Garotinho medem força. Campos 24H acompanha os bastidores da política nas últimas horas e mostra as prováveis mudanças




29/03/2024, 16h14, Fotomontagem: Campos 24 Horas.


Postado por Fabiano Venancio - Os bastidores das eleições de outubro próximo para Prefeitura e Câmara de Campos fervem. O prefeito Wladimir Garotinho (PP) e o presidente da Alerj, deputado Rodrigo Bacellar (União), medem força na disputa por partidos e nomes fortes eleitoralmente para compor as nominatas partidárias dos seus grupos políticos. Wladimir saiu na frente e obteve a confirmação do apoio do deputado federal Caio Vianna (PSD), que divulgou um vídeo (acima) nesta sexta-feira Santa (29/03), confirmando que segue alinhado com o prefeito. Caio se posicionou 48h depois de Rodrigo ter anunciado que o partido do deputado federal estaria no seu grupo político nas eleições deste ano. Essa posição de Caio em favor de Wladimir levou o prefeito do Rio, Eduardo Paes, a confirmar nas redes sociais o que Rodrigo já havia anunciado: O PSD fica com o grupo Bacellar na eleição de Campos e Caio só será mantido no partido se for candidato a prefeito. Outra decisão aguardada é do deputado estadual Thiago Rangel, que tem os partidos PRTB e PMB (Partido da Mulher Brasileira) sob seu comando em Campos e com nomes fortes para a disputa de cadeiras na Câmara. Com a terceira maior votação para deputado na última eleição no município, Thiago ainda não anunciou em que direção seguirá na eleição para Prefeitura, ou seja, se fica com Wladimir ou Rodrigo, além da opção de se lançar pré-candidato a prefeito. (Leia mais abaixo)


PRESIDENTES DE PARTIDOS REUNIDOS- Os presidentes dos seis partidos do bloco de apoio à pré-candidatura à reeleição de Wladimir (PP, PDT,MDB, Podemos, Republicamos e PL) se reuniram nas últimas horas com o prefeito para tratar das filiações de pré-candidatos a vereador e de mudanças que podem acontecer nas nominatas nos próximos dias. "Rodrigo pode conseguir o comando do PSD em Campos, mas Caio não será candidato a prefeito, e dará apoio a Wladimir", informa uma fonte do Campos 24 Horas no grupo do prefeito. (Leia mais abaixo)


RODRIGO BACELLAR, DUDU AZEVEDO E MARQUINHO DO TRANSPORTE - O anuncio de Rodrigo Bacellar em relação ao PSD também tem reflexo na filiação de Dudu Azevedo, subchefe de gabinete de Wladimir e um dos pré-candidatos a vereador mais cotados do grupo do prefeito. "Dudu iria se filiar no PSD, porém, com o anuncio de Rodrigo, ele pode concorrer pelo Republicanos, partido presidido pelo vereador Anderson de Matos", informou ainda a fonte do site. (leia mais abaixo).


Já o vereador Marquinho do Transporte, do  grupo Wladimir, também iria se filiar ao PSD de Caio. Agora, pode concorrer pelo PDT, partido pelo qual se elegeu em 2020. (Leia mais abaixo)


O nome de Marquinho do Transporte ainda seria submetido ao presidente da sigla em Campos, vereador Leon Gomes. Por outro lado, Marquinho estaria disposto a exigir a vaga para disputar no PDT, visto que se elegeu pelo partido e a Legislação garantiria esse direito a ele. (Leia mais abaixo)


Dudu e Marquinho temem que a direção regional do PSD confirme a opção pelo grupo Bacellar. Dessa forma, Caio não seria candidato a prefeito e os dois pré-candidatos do grupo Wladimir iriam correr o risco de ter suas vagas negadas pelo PSD para a disputa da Câmara. (leia mais abaixo)


O fato é que, Wladimir e Rodrigo, líderes dos dois principais grupos políticos da cidade, mantém contatos permanentes através de interlocutores com nomes fortes eleitoralmente com vistas à filiação em seus partidos, com objetivo de conquistar o maior número possível de cadeiras na Câmara de Vereadores, além de dar mais suporte aos candidatos que concorrerão à prefeitura. (Leia mais abaixo)


THIAGO RANGEL- Outra expectativa é a respeito da posição do deputado estadual Thiago Rangel (PRTB), pré-candidato a prefeito que reuniu nomes fortes eleitoralmente para a eleição de vereador em dois partidos (Aqui) sob seu controle em Campos, e ainda lançou sua filha Thamires Rangel pré-candidata à Câmara de Vereadores.