Briga de vizinhos por causa da devolução de um balde termina em morte

Dono de um chiqueiro matou um jovem de 21 anos em Cariacica, após ter sido cobrado pela devolução do objeto que pegou emprestado.




12/02/2024, 16h18, Foto: Divulgação.


Uma discussão que começou dentro de um chiqueiro terminou em morte, em Cariacica, na Grande Vitória. Gean da Rocha Neves, foi baleado pelo vizinho, na noite deste domingo (11). O suspeito discutiu com o irmão da vítima momentos antes do crime por causa de um balde de lavagem que pegou emprestado. O homem não gostou de ter sido cobrado pela devolução do item.(Leia mais abaixo)


De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO), após a discussão, o suspeito pegou uma arma e foi até a porta da casa da família, chamando pelo jovem com quem brigou. Quem apareceu na porta foi Gean. Mesmo sabendo que o rapaz não estava envolvido com o problema, o vizinho atirou.(Leia mais abaixo)


Gean morreu na hora. Ele tinha 21 anos e era aposentado por invalidez, por ter sido diagnosticado com esquizofrenia.(Leia mais abaixo) 


A irmã da vítima espera justiça para o caso. "Primeiro eu espero a justiça de Deus, porque ela não falha, e depois a dos homens. Eu não desejo mal a ele, eu perdoo ele pelo que fez com o meu irmão, mas que a justiça seja cumprida. Hoje, foi o meu irmão, amanhã pode ser outra pessoa", desabafou.(Leia mais abaixo)


A Polícia Militar informou que foi acionada para a ocorrência e confirmou que o crime teria ocorrido devido a uma briga entre vizinhos por causa de um balde de lavagem. (Leia mais abaixo)


Disse também que os militares que atenderam a ocorrência seguiram até a casa do suspeito, onde foram atendidos pela esposa. Ela prontamente fez contato por telefone com o marido, que afirmou ter cometido o crime, pois, após a discussão, teria sido ameaçado e o seu chiqueiro depredado.(Leia mais abaixo)


O suspeito não foi localizado no momento do fato. Ele disse para polícia, através de um advogado, que vai se entregar, mas ainda não procurou a delegacia.(Leia mais abaixo)


Já a Polícia Civil informou que o caso seguirá sob investigação da Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Cariacica. Até o momento, nenhum suspeito foi detido. O corpo da vítima foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML).


Fonte: G1