Articulações de Wladimir: 7 partidos, 180 pré-candidatos e tempo de TV

ELEIÇÃO 2024 – Campos 24H mostra o que deverá acontecer na campanha, de acordo com infornações de assessores e aliados do prefeito




14/05/2024, 11h33, Foto: Reprodução.


Postado por Fabiano Venancio -  Com o somatório de 180 pré-candidatos a vereador e um bloco de sete partidos na aliança em torno do seu nome para a eleição de outubro deste ano, o prefeito Wladimir Garotinho (PP) se movimenta nos bastidores e mira um ponto importante na estratégia do seu projeto de tentativa de reeleição à Prefeitura de Campos: a disponibilidade de maior tempo no horário eleitoral gratuito na televisão, a partir de 30 de agosto. Aliados e assessores de Wladimir revelam ao Campos 24 Horas que, pelo conjunto de ações e realizações de seu governo, o prefeito vai fazer um resumo de tudo que fez no espaço destinado ao horário gratuito na TV, enfatizando inicialmente que teve de enfrentar um ano e meio de pandemia e a situação de caos deixada pelo governo passado. Somente depois disso, teve condições de fazer obras e ações em bairros e distritos, além de se articular junto aos governos estadual e federal para conquistar recursos. As mesmas fontes do Campos 24 Horas ainda revelam que Wladimir já espera ser alvo natural de muitas pancadas de adversários durante a campanha. O papel do vice-prefeito Frederico Paes também foi comentado pelas fontes do site. (leia abaixo)


O período depois da pandemia foi suficiente para que o prefeito reabrisse várias UBS (Unidades Básicas de Saúde) e realizasse, entre outras obras, entregas de considerável importância como a conclusão do camelódromo e a reconstrução do Hospital Geral de Guarus, além do recapeamento e asfaltamento em dezenas de ruas e recuperação de estradas vicinais em parceria com o governo estadual. (Leia mais abaixo)


Dentro da movimentação eleitoral para manter seu grupo unido, Wladimir reuniu no último sábado, no auditório do Hotel Soho, no Centro de Campos, o primeiro encontro do grupo de 180 pré-candidatos a vereador. De acordo com dirigentes dos partidos que participaram do evento, o encontro serviu para unificar o discurso e reforçar as diretrizes de campanha. Estiveram presentes, além dos concorrentes à Câmara Municipal, entre eles os 17 vereadores da base governista, bem como representantes do PP, PL, MDB, Podemos, Republicanos, PDT e Agir. (Leia mais abaixo)


Serão 35 dias de campanha eleitoral em que candidatos a prefeito e vereador poderão divulgar suas propostas, em um total de 90 minutos reservados por dia no horário eleitoral gratuito. Até lá, os candidatos e partidos coligados devem usar o tempo disponível para cada um. (Leia mais abaixo)


E Wladimir, avaliam os aliados do prefeito, pelo conjunto de ações e realizações de seu governo, precisa de tempo para mostrá-las ao eleitor, o que requer o maior espaço de tempo possível no horário eleitoral gratuito na TV e no rádio. (Leia mais abaixo)    


PANCADAS DURANTE A CAMPANHA - Outro aspecto analisado pelos assessores que atuam na campanha de Wladimir também calculam que, como o prefeito deve ser alvo natural de pancadas de adversários durante a campanha, precisará também de um bom tempo para rechaçar os eventuais ataques de seus concorrentes.  (Leia mais abaixo)


Depois de enfrentar um ano e meio de pandemia, Wladimir teve que sanear as contas da prefeitura após o desastre do governo anterior e concentrou suas ações de governo basicamente nos últimos dois anos e meio de seu mandato. (Leia mais abaixo)


FREDERICO GARANTIDO NA VICE - Antes de fechar a coligação com os sete partidos, Wladimir definiu a manutenção do vice-prefeito Frederico Paes (MDB) como companheiro de chapa na eleição majoritária. (Leia mais abaixo)


Com o vice-prefeito, Wladimir manteve proximidade com os chamados setores produtivos da classe empresarial e a classe média, com uma linha de frente também reforçada pelo empresário Marcelo Mérida, secretário de Emprego e Qualificação e presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado do Rio de Janeiro (FCDL), e o presidente da CDL/Campos, Edvar Freitas Chagas Junior, subsecretário de Turismo.