Alerj vai solicitar ao governo informações sobre policiais e bombeiros expulsos

Os deputados se reuniram, nesta quarta-feira (dia 12), com integrantes da Associação de Apoio ao Agente de Segurança, Ex-policiais e Policiais do Brasil (Apaseppol)




13/02/2020, 10h29, Foto: Divulgação.

A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) vai solicitar ao governo do estado informações sobre processos de policiais civis, militares e bombeiros militares que foram expulsos das corporações, cujos casos estão sendo analisados. Os deputados se reuniram, nesta quarta-feira (dia 12), com integrantes da Associação de Apoio ao Agente de Segurança, Ex-policiais e Policiais do Brasil (Apaseppol).


Segundo a entidade, os processos estão parados desde novembro do ano passado. A maior parte dos casos é de agentes foram inocentados na esfera judicial.


Somente na Polícia Militar, mais de dois mil servidores foram expulsos entre 1º de janeiro de 2007 e 31 de dezembro de 2018, por atos administrativos-disciplinares punitivos, mas muitos tiveram absolvições em sentenças penais.


O acordo fechado com os deputados é para que, se esses casos não forem resolvidos, os projetos que podem anistiá-los serão ser votados em segunda discussão até a primeira quinzena de março.


Fonte: Extra