100 anos: Mercado Municipal mantém função de servir e ser ponto de encontro

Um local que resume toda a importância do comércio da região. Traz as produções locais e de outros municípios e ali são comercializados




14/09/2021, 12h10, Foto: César Ferreira/SupCom.

O Mercado Municipal de Campos completa 100 anos nesta quarta-feira (15) cumprindo sua principal missão de servir à população com alimentos básicos e outras necessidades para o dia a dia, além de ser local de encontro entre as pessoas. A informação é do museólogo e pesquisador, Carlos Freitas, que escolheu o mercado como tema de sua dissertação de mestrado em 2006, pela Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf) com o tema “O Mercado Municipal de Campos dos Goytacazes: a sedução persistente de uma instituição pública”. (leia mais abaixo)


- É um local incrível. Um local que resume toda a importância do comércio da região. Traz as produções locais e de outros municípios e ali são comercializados. No início do Século XX, quando ele veio, aqui era o principal ponto de comércio da cidade. Nada como uma bela homenagem neste centenário de um ponto de comércio e ponto de encontro dos moradores locais. Ele é muito importante e algo que deve ser preservado para as futuras gerações - afirma Freitas, autor da pesquisa que durou cerca de três anos. (leia mais abaixo)


Para Freitas, o mercado é uma parte essencial do comércio do Centro da cidade e vem mantendo a sua função. “Ele ainda mantém sua função principal, de comércio e de servir à sociedade. Aqui, é um ponto de encontro não só de consumidores e produtores, mas também de visitantes que vêm à cidade de Campos. Parabéns pelos 100 anos do Mercado Municipal”, disse o museólogo e pesquisador, que torce pela recuperação do prédio.


O Mercado Municipal está localizado no Centro de Campos, em uma área de grande circulação, onde também estão a Feira Livre e o Shopping Popular Michel Haddad. O prédio do mercado foi construído com paredes de tijolos e colunas de concreto, que sustentam a cobertura, formada por perfis de aço e vigas de madeira que apoiam o telhado de telhas francesas. O prédio conta, ainda, com uma torre onde está localizado o relógio. 


HISTÓRIA - O Mercado, construído na gestão do então prefeito Luiz Sobral foi inspirado no Mercado de Nice, na França.  A obra foi inaugurada em 1921 pelo prefeito à época, César Tinoco. O prédio possui quatro entradas e a distribuição dos boxes e lojas de forma diferenciada. Na área interna estão boxes com diferentes produtos, sendo predominantes as floras, mercearias e pastelarias, muito frequentadas por visitantes em busca de pastéis e caldo de cana. Na parte externa do prédio estão os açougues, em sua maioria.