Nova remessa de IFA chega na quarta-feira para produção de 5,8 milhões de doses

Com a nova remessa, passam a ficar asseguradas entregas semanais até 16 de julho




22/06/2021 08:08:34.

A Fiocruz informou que está prevista para a próxima quarta-feira (23/6),  no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (RioGaleão), a chegada de mais uma carga de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) da vacina, para a produção de aproximadamente 5,8 milhões de doses. Com a nova remessa, passam a ficar asseguradas entregas semanais até 16 de julho. (leia mais abaixo)


Mais informações sobre a chegada do IFA serão divulgadas na próxima semana. A AstraZeneca tem garantido entregas mensais de lotes de IFA, conforme acordado. A Fiocruz aguarda confirmação da possibilidade de aceleração das próximas remessas de IFA, uma vez que a instituição permanece com capacidade de produção superior à de disponibilização do insumo.




Brasil antecipou mais de 16 milhões de doses de vacinas

Autonomia a partir de 2022 garantirá vacinação contínua no Brasil




22/06/2021 08:08:29.

O ministro da Saúde Marcelo Queiroga afirmou hoje (21), em entrevista ao programa A Voz do Brasil, que o governo federal conseguiu antecipar mais de 16 milhões de doses de vacinas em 2021.


Durante a entrevista, Queiroga confirmou que chega amanhã (22) ao Brasil uma remessa de 1,5 milhão de doses de vacinas produzidas pelo laboratório Janssen. A entrega será feita nesta terça-feira, às 7h, no Aeroporto Internacional de Guarulhos.


“Com isso, dá pra afirmar que a população brasileira acima de 18 anos - que são aproximadamente 160 milhões - estará vacinada até o final do ano de 2021. Uma esperança para pôr fim à pandemia de covid-19”, disse Queiroga.


O Brasil adotou uma estratégia variada para levar vacinas aos brasileiros, explicou Queiroga. O acordo de parceria tecnológica feito pela AstraZeneca e pela Fiocruz permitirá a independência na produção do ingrediente farmacêutico ativo (IFA) até 2022, o que garantirá autonomia para a produção contínua de vacinas em possíveis futuras campanhas de imunização e reforço.


Queiroga detalhou também a participação da Covax Facility - um programa de aceleração, desenvolvimento e compartilhamento de vacinas a contra covid-19 oferecido pela Organização Mundial da Saúde -, que disponibilizará imunizantes suficientes para 10% da população brasileira.


"Entregamos mais de 123 milhões de doses de vacinas, sendo o Brasil um dos 5 países que mais distribuiu vacinas”, disse o ministro. “Já é um milagre da ciência termos vacinas em tão curto espaço de tempo para uma doença tão grave quanto a covid-19. Estamos trabalhando e buscando as melhores alternativas para atender à população brasileira”.


Terceira dose

Queiroga também respondeu perguntas de ouvintes durante a entrevista. Em uma delas, Queiroga falou sobre a possibilidade de uma terceira dose para o imunizante CoronaVac. Segundo afirmou o ministro, não há evidências científicas sobre a necessidade de reforço. Caso haja, não há informações sobre o que Queiroga chamou de “intercambialidade”, ou seja, diferentes vacinas usadas para reforçar os efeitos imunológicos contra a covid-19.


“A evolução da evidência científica progride. Não se pode querer uma ciência self-service - para o que a gente quer usa a evidência, para o que não quer não usa. Temos trabalhado fortemente, em parceria com universidades, com pesquisadores, e a questão da vacina para 2022 já é a ordem do dia”, ressaltou.


Tempo de efetividade

O ministro da Saúde explicou que ainda não há dados sobre a duração da memória  imunológica criada pelas vacinas a longo prazo. A cidade de Botucatu, em São Paulo, está sendo usada como base para estudos médico-científicos sobre a duração dos efeitos imunizantes das vacinas.


Sobre as vacinas da Pfizer e da AstraZeneca, Queiroga voltou a garantir a ampla eficácia e a baixa incidência de efeitos colaterais diversos. O ministro frisou que todos os imunizantes em uso no Brasil foram desenvolvidos, testados e estudados pelas principais entidades sanitárias e de saúde do mundo.




Auxílio Emergencial: nascidos em abril podem sacar 3ª parcela

Caixa também paga hoje os inscritos no Bolsa Família com NIS final 4




22/06/2021 08:08:21.

A Caixa paga nesta terça-feira (22) a terceira parcela do auxílio emergencial aos trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos em abril, inscritos no programa por meio do site e do aplicativo, mas estão fora do Bolsa Família. A quarta parcela está marcada para 1º de agosto.(leia mais abaixo)


Os recursos também poderão ser transferidos para uma conta-corrente, sem custos para o usuário. Até agora, o dinheiro apenas podia ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), de boletos, compras em lojas virtuais ou compras com o código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de estabelecimentos parceiros.


Bolsa Família

Também hoje, a Caixa realiza o pagamento da terceira parcela do auxílio para beneficiários do Bolsa Família com o Número de Identificação Social (NIS) terminado em 4. O pagamento do auxílio é feito da mesma forma e nas mesmas datas do benefício regular do programa.(leia mais abaixo)


Para quem recebe por meio da Poupança Social Digital, os recursos podem ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem e na Rede Lotérica de todo o Brasil, ou sacados por meio do Cartão Bolsa Família ou Cartão Cidadão.(leia mais abaixo)


Atendimento ao cidadão

A central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h, gratuitamente, e está pronta para atender os beneficiários do Auxílio Emergencial. Além disso, o banco disponibiliza, ainda, o site auxilio.caixa.gov.br.(leia mais abaixo)


Pelas regras estabelecidas pela Medida Provisória 1.039/2021, o auxílio será pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo.(leia mais abaixo)


É necessário que o beneficiário já tenha sido considerado elegível até o mês de dezembro de 2020, pois não há nova fase de inscrições. Para quem recebe o Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso. O beneficiário recebe o maior valor, seja a parcela paga no programa, seja a do auxílio emergencial.(leia mais abaixo)


O valor médio do benefício será de R$ 250, variando de R$ 150 a R$ 375, a depender do perfil do beneficiário e da composição de cada família.


Fonte: Agência Brasil




Ompetro solicita que cidades acessem dados de produção

A solicitação foi feita em reunião nesta segunda-feira (21) da CPI, instaurada pela Alerj




22/06/2021 07:07:20.

A Organização dos Municípios Produtores de Petróleo (Ompetro), presidida pelo prefeito Wladimir Garotinho, solicitou a inserção no sistema que permite a previsibilidade da projeção de arrecadação de receitas indenizatórias da área, informa o subsecretário Municipal de Petróleo, Energia e Inovação Tecnológica, Marcelo Neves. (leia mais abaixo)


A solicitação foi feita em reunião nesta segunda-feira (21) da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), instaurada pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), para apurar a queda de 40% na arrecadação do estado do Rio, referente às receitas compensatórias da exploração de petróleo e gás. (leia mais abaixo)


Representando a Ompetro, o subsecretário Marcelo Neves disse que a inserção no sistema é um passo importante, que se soma à conquista da assinatura do acordo de cooperação entre a Secretaria Estadual de Fazenda e a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).


“Os Estados do Rio e do Espírito Santo já fazem parte deste sistema, onde as empresas petroleiras informam a produção e o valor dos royalties pagos à ANP, e já jogam no sistema com boa antecedência”, explica Marcelo Neves. A inclusão dos municípios neste sistema, assinala, “facilita nas previsões de recebimento de Participações Especiais, que hoje a gente faz mais ou menos um período de vinte a trinta dias”. (leia mais abaixo)


- É importante para o município na questão do princípio da previsibilidade orçamentária, para programar os seus gastos e investimentos - pontua o subsecretário Marcelo Neves.




Covid: Campos tem 1.400 mortes e 33.768 casos confirmados

Desde o início da pandemia, são 45.750 recuperados. 226.254 pessoas já foram vacinadas




22/06/2021 07:07:18.

A Secretaria de Saúde informa que, das notificações compulsórias exportadas nesta segunda-feira (21), foram confirmados 167 novos casos. Ainda, segundo a secretaria, o sistema E-SUS permanece com lentidão para inserção de notificações, e tem passado por correções pelo DATASUS (Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde), segundo informações da Secretaria de Estado de Saúde. O município registrou 08 óbitos, sendo 03 no domingo (20) e 05 nesta segunda-feira (21). (leia mais abaixo)


Desde o início da pandemia, o município registrou 33.768 casos confirmados de Covid-19 e 45.750 recuperados, que incluindo os recuperados com Síndrome Gripal testada positivo para Covid-19; recuperados de Síndrome Gripal não específica; e recuperados de Síndrome Aguda Grave positivos para Covid-19. (leia mais abaixo)


O município encontra-se na Fase Amarela, ou seja, nível 3 do Plano de Retomada das Atividades Econômicas e Sociais.


A orientação da Subsecretaria de Atenção Básica, Vigilância e Promoção da Saúde é que a população deve seguir as recomendações de distanciamento social, evitando ambientes com aglomerações, manter os cuidados de prevenção, como lavar bem as mãos, usar máscara e álcool 70%. (leia mais abaixo)


Boletim Coronavírus – 21/06/2021

Confirmados: 33.768

Síndrome Gripal (SG): 99.476

Número de internações com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG): 4.755

Óbitos confirmados: 1.400

Recuperados SG Covid: 24.897

Recuperados SRAG: 1.145

Recuperados SG Não Especificada: 19.708

Total de recuperados: 45.750 (leia mais abaixo)


Censo Diário de Ocupação de leitos nesta segunda-feira (21)

Ocupação da UTI – 65,17% na Rede SUS e Privada

Ocupação Clínica Médica – 34,40 % na Rede SUS e Privada

Fila de espera leitos Covid – 08 pacientes na fila. (leia mais abaixo)


Total de doses aplicadas até segunda-feira (21): 226.254

Primeira dose – 160.245

Segunda dose – 66.009




Secretaria de Saúde recadastra beneficiários do programa de leites especiais

Conforme determina a Lei nº 8.708, a permanência no programa está condicionada ao comparecimento do beneficiário, acompanhado do responsável




22/06/2021 07:07:33.

A Secretaria Municipal de Saúde já iniciou o recadastramento dos beneficiários do Programa de Fórmulas Infantis Especiais, que atende às crianças com alergia à proteína do leite de vaca. Os beneficiários, pais e/ou responsáveis legais estão sendo convocados, por semana, com publicação no Diário Oficial do Município, para a apresentação da documentação necessária, como cartões do SUS e de vacinação, comprovantes de residência atualizados e de renda de todos os membros da família, entre outros. Conforme determina a Lei Municipal nº 8.708, a permanência no programa fica condicionada ao comparecimento do beneficiário, acompanhado do responsável. (leia mais abaixo)


As listas começaram a ser divulgadas no dia 17, com os beneficiários que deveriam comparecer nesta segunda-feira (21) ao Departamento de Nutrição. Esta semana, uma nova lista foi divulgada para que os beneficiários compareçam nesta terça-feira (22) para o recadastramento (veja AQUI a lista). “Quem não compareceu nas convocações feitas esta semana, terá a oportunidade de repescagem nesta sexta-feira (25)”, informa o subprocurador Geral do município, Gabriel Rangel. Veja AQUI a lista das pessoas convocadas a comparecer nesta segunda-feira e que poderão e ir na sexta-feira. (leia mais abaixo)


A medida visa garantir a assistência dos serviços e atender à recomendação do Tribunal de Justiça do Estado, em Ação Civil Pública, e à legislação municipal que regulamenta o fornecimento de Fórmulas Infantis Especiais. O subprocurador explica que o Decreto publicado do recadastramento busca atualizar o cadastro de beneficiários dos programas, identificar possíveis divergências na base de dados e subsidiar o município para a correta destinação dos recursos materiais, assegurando assistência conforme os parâmetros socioassistenciais definidos pela Lei Municipal nº 8.708, de 22 de junho de 2016, que rege o programa.


A Lei Municipal das Fórmulas Especiais preconiza, ainda, para o balizamento das diretrizes públicas por elas alcançadas, explica o subprocurador Gabriel Rangel, que o “ente público realize, a cada 24 (vinte e quatro) meses ou quando julgar conveniente, o recadastramento de todas as crianças inseridas no programa, inclusive com a possibilidade de novas visitas por parte da assistência social”. (leia mais abaixo)


A Secretaria Municipal de Saúde poderá exigir outros documentos que entender necessários, além da realização de entrevistas sociais e visitas domiciliares. Os médicos e nutricionistas do Departamento de Nutrição poderão ratificar, ou não, o diagnóstico e a prescrição apresentados à época do pedido administrativo ou constante de processo judicial.


A Secretaria Municipal de Saúde informa que, quem tiver dúvida sobre o recadastramento, poderá ir ao Departamento de Nutrição quarta-feira (23) ou quinta-feira (24). Os pais ou responsáveis devem se dirigir, para o recadastramento, no Departamento de Nutrição, da Secretaria de Saúde, na Rua Voluntários da Pátria, nº 875, Centro, acompanhados dos documentos a seguir, todos apresentados em cópia e original: (leia mais abaixo)


I - Certidão de nascimento da criança;

II - Cartão SUS da criança;

III - Cartão de vacinação da criança;

IV - Carteira de identidade e comprovante de inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas do genitor ou responsável legal;

V - Comprovante de residência no Município de Campos dos Goytacazes;

VI - Comprovantes de renda de todos os membros da família, para fins de observância do disposto no artigo 4º da Lei Municipal nº 8.708, de 22 de junho de 2016.




Vila Olímpica do Parque Guarus será reformada; todas retornam atividades esse ano

Unidade de Travessão já foi recuperada e Vila do Esplanada deve ficar pronta em julho




22/06/2021 07:07:17.

Com a volta das aulas em regime de ensino híbrido, no plano de retorno seguro da Educação, o prefeito Wladimir Garotinho adiantou outra novidade para os campistas: a retomada do funcionamento das Vilas Olímpicas de Campos. Nesta segunda-feira (21), após visitar o Ciep Wilson Batista, uma das três escolas da rede municipal onde as aulas foram reiniciadas na nova modalidade, que reúne o presencial e o remoto, o prefeito esteve na Vila Olímpica Waldir Pereira, também no Parque Guarus, acompanhado do secretário de Educação, Marcelo Feres, e do subsecretário de Saúde, Paulo Hirano. (leia mais abaixo)


Wladimir informou que as sete unidades da Fundação Municipal de Esportes (FME) serão reabertas ainda este ano, com toda a infraestrutura para o funcionamento de programas e atividades esportivas, respeitadas às orientações do protocolo Regras da Vida, para prevenção e combate ao novo coronavírus. (leia mais abaixo)


- Já reformamos a Vila Olímpica de Travessão, 100% recuperada e com total condição de uso, e a do Parque Esplanada vai ficar pronta no próximo mês. A próxima a passar por reforma será a do Parque Guarus, mas todas voltarão a funcionar até o final do ano - detalhou Wladimir, que conversou com moradores do bairro. (leia mais abaixo)


Campos conta com sete vilas olímpicas: Waldir Pereira (Parque Guarus); João de Souza (Parque Esplanada); Ederval Venâncio (Travessão); Lulu Beda (Jardim Carioca); Bruno Rangel (Alphaville); João Antônio de Faria (Jóquei Clube) e Amaro Silveira (Parque Santa Clara).




Vacina contra Covid em Campos: veja quem pode ser vacinado nesta terça-feira

Três grupos podem serão imunizados com vacinas Pfizer e Coronavac




21/06/2021 19:07:49.

Nesta terça-feira (22) recebem a vacina da Pfizer mulheres com 49 anos ou mais. Também nesta terça-feira recebem a primeira dose da CoronaVac as grávidas e puérperas com 30 anos ou mais. Também está mantida a aplicação da 1ª e 2ª doses da CoronaVac para as grávidas de alto riso e puérperas com comorbidades. A vacinação será através de distribuição de senha e acontecerá das 9h às 15h. (leia mais abaixo)


Ainda nesta terça-feira, segue a aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 para pessoas com deficiências intelectuais e permanentes e amplia a idade para 35 anos ou mais. Também serão imunizados os pais, cuidadores e tutores dos portadores de deficiências intelectuais e permanentes com idade abaixo de 18 anos. (veja abaixo os locais de vacinação)


POSTOS DE VACINAÇÃO/ mulheres com 49 anos ou mais:

Drive-thru Uenf

Drive-thru Instituto Federal Fluminense (IFF/Centro)

UBS Poço Gordo

UBS Parque Prazeres

Creche Esplanada

UBS Penha

Fundação Municipal de Esportes

Escola Municipal Pequeno Frederico (Ururaí)

Clube da Terceira Idade

ESF Lagamar (Farol)

ESF Morangaba

UBS Tocos

UBS Conselheiro Josino

UBSF Ponta da Lama

UBS Santa Maria

UBSF IPS

ESF Santa Helena

UBS Parque Eldorado

UPH de Travessão

UPH Morro do Coco

UBSF Santa Cruz

UBSF Aldeia 

UBSF Lagoa de Cima

Patronato São José

LOCAIS DE VACINAÇÃO /gestantes e puérperas: 

Prédio Anexo ao Hospital Planadores de Cana (antigo CRDI)

Centro de Referência e Tratamento da Mulher (CRTM)

Drive Guarus Plaza Shopping

LOCAIS DE VACINAÇÃO PARA DEFICIENTES INTELECTUAIS E PERMANENTES:

DRIVE UENF

DRIVE IFF CENTRO

SECRETARIA DE SAÚDE

CLUBE DA TERCEIRA IDADE

FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ESPORTES (FME) - ANTIGA AABB

CRECHE ESPLANADA 

ESCOLA MUNICIPAL PEQUENO FREDERICO (URURAÍ)

UBS MORRO DO COCO

UBS TOCOS

UBS CONSELHEIRO JOSINO

UBS DE ESF LAMAGAR (FAROL)

UPH DE TRAVESSÃO

UBS SANTA CRUZ


 



Primeiro dia de volta às aulas: Prefeito Wladimir diz que foi "um sucesso"

Prefeito acompanha 1º dia de volta às aulas no modelo ensino híbrido




21/06/2021 19:07:29.

A adesão dos profissionais da Educação ao Plano Municipal de Ensino Híbrido Seguro tem atendido de forma satisfatória ao planejamento da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia. Todos os que estão participando dessa modalidade foram vacinados com a primeira dose da vacina contra covid-19. A informação é do prefeito Wladimir Garotinho, que acompanhou o primeiro dia de aula no novo modelo nesta segunda-feira (21), ao lado do secretário de Educação, Marcelo Feres, do subsecretário de Saúde, Paulo Hirano, e da coordenadora do Programa Saúde na Escola (PSE), Cátia Mello. (leia mais abaixo)


"Esse primeiro dia foi um sucesso. À medida que forem chegando mais doses da vacina em Campos, vamos imunizar mais profissionais da Educação e vamos avançando no ensino híbrido. Em paralelo a isso, estamos avançando com o processo de licitação para reformar dezenas de escolas ainda este ano e garantir melhor estrutura e melhores condições de trabalho para os profissionais", afirmou o prefeito.  (leia mais abaixo)


CRONOGRAMA

De acordo com o secretário Marcelo Feres, três unidades da rede municipal de ensino deram início ao ensino híbrido besta segunda. Na Creche Escola João Perdecene Neto, Lapa, foram registrados seis alunos; no Ciep Wilson Batista, em Guarus, 7 alunos à tarde; e na Escola Municipal Dr. Getúlio Vargas, em Tocos, foram 30 estudantes nos dois turnos. (leia mais abaixo)


"Quarta-feira (23), o Plano será ampliado para mais quatro escolas municipais: Escola Municipal Branca Peçanha, Parque Eldorado; Escola Municipal Frederico Paes Barbosa, Parque Novo Mundo; CIEP Custódio Siqueira, Calabouço; e Creche Escola João Siqueira dos Santos, Tapera. No dia 28/06, serão: Escola Municipal Prisco de Almeida, Calabouço; Creche Escola Parque Imperial e Creche Escola Penha", disse o Secretário. (leia mais abaixo)


DEPOIMENTOS

Professora da Creche da Lapa há 17 anos, Idemê Arêas, afirmou que é uma fase completamente nova e diferente. “Apesar do medo do desconhecido, do novo, eu estava com muita vontade de voltar para a escola, pois estava muito limitada com o ensino remoto. Em sala de aula me sinto mais livre e tudo flui muito melhor. Os alunos estão voltando crus, vai ser um processo mais difícil, mas esse retorno presencial precisava acontecer”, destacou a servidora. (leia mais abaixo)


Mãe da aluna do Pré-1, Kemilly Vitória, Viviane da Silva falou da expectativa da família. “Eu já estava ansiosa pra ver como seria. E ela estava mais animada e ansiosa ainda, e acordou cedinho para não perder a hora. Fiquei muito feliz e me senti muito segura pois vi que a escola está com tudo preparado”, opinou. (leia mais abaixo)


A diretora da creche, Elaine Cristina Reis, apresentou a autorização da Vigilância Sanitária que garante a licença para a reabertura da unidade, após atender todas as exigências necessárias ao checklist covid. (leia mais abaixo)


“Fizemos todas as marcações em sala de aula e nos corredores para garantir o distanciamento necessário, espalhamos álcool 70% nas salas, papel toalha nos banheiros, as crianças chegam e lavam as mãos antes de entrarem nas suas turmas, temos termômetro na portaria, etc. Serão cerca de 5 alunos por dia, totalizando 40 alunos por semana frequentando a unidade de forma escalonada. Na nossa unidade, os professores estavam pedindo para voltar a trabalhar de forma presencial, porque, dessa forma, rendem muito mais”, explicou.

Até sexta-feira (18), 1.837 profissionais da educação haviam sido vacinados com a primeira dose da vacina contra covid-19, e 47 deles com a segunda dose. (leia mais abaixo)


PLANEJAMENTO

De acordo com a coordenadora do Programa Saúde na Escola (PSE), Catia Melo, várias medidas desenvolvidas pela Seduct prepararam a rede para a implantação do ensino híbrido. “Além das melhorias estruturais, realizamos diversos cursos, webinários e workshops falando sobre as regras de biossegurança, criamos Comissão Especial para discutir o tema, publicamos decretos e portarias normatizando o Plano, elaboramos o Manual Operacional do Ensino Híbrido Seguro, enfim, tudo isso a fim de garantir um ambiente seguro e saudável para profissionais da Educação, alunos e pais de estudantes”, disse. (leia mais abaixo)


Em Campos, conforme acordo com o MPE, o início do modelo híbrido nas escolas particulares e públicas se dará de forma gradativa, por etapa de ensino começando pela educação infantil, condicionado ao aval da Vigilância Sanitária, ao início de processo de imunização e à adesão ao Manual Operacional do Ensino Híbrido. Essa primeira fase do Plano representa um acolhimento aos estudantes e contemplará uma média de 220 estudantes por semana, considerando as dez unidades municipais. (leia mais abaixo)


À medida que mais profissionais forem sendo vacinados, outras escolas também vão aderir ao sistema híbrido até alcançar o ensino universitário. (leia mais abaixo)


PREVENÇÃO

A Subsecretaria de Políticas para Mulheres vem realizando ações constantes de prevenção à violência contra a mulher e divulgando os canais de divulgação para denúncia.  No dia 17 de julho, a equipe da subsecretaria vai realizar uma roda de conversa para definir a programação da Semana de Combate ao Feminicídio, que será realizada entre os dias 19 e 23 do mesmo mês.  (leia mais abaixo)


Também estarão participando da roda de conversa representantes da Casa da Mulher Benta Pereira, das secretarias de Desenvolvimento Humano e Social, Saúde, Educação e Trabalho e Renda, além de uma ONG Mulheres que fazem - Campos e o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim).




Em primeira mão, C24H anunciou Luciano Viana na FME

Ex-presidente do Americano será presidente da Fundação de Esportes




21/06/2021 18:06:39.

(Atualização às 21h58) - Conforme o Campos 24 Horas anunciou em primeira mão no início da noite desta segunda-feira (21), o ex-presidente do Americano, Luciano Viana, será o novo presidente da Fundação Municipal de Esportes (FME), dentro dos ajustes que o prefeito Wladimir Garotinho (PSD) faz na administração municipal. Na noite desta segunda-feira (21), Viana esteve no Cesec (Centro Administrativo José Alves Azevedo, sede da prefeitura) onde acertou os últimos detalhes para começar a gestão. (leia mais abaixo).


Além de presidente do Americano, Luciano Viana também já foi gerente de futebol do clube alvinegro, além de atleta profissional do Goytacaz, Fluminense, Santos, Americano, Vasco, Clube do Remo, Paraná, Ituano, Santa Cruz e Boavista (Portugal), entre outros clubes. Atualmente, Viana é empresário do ramo de cerâmica na Baixada Campista.  O nome do vice da FME ainda não foi informado. (leia mais abaixo)


O agora ex-presidente da FME, Fábio Gonçalves Coboski, ligado ao vereador Raphael de Thuin, foi exonerado na semana passada de acordo com informação publicada no Diário Oficial. O rol de exonerações ainda alcançaram indicações do vereador Bruno Vianna (PSL). Tanto Thuin como Bruno tornaram-se dissidentes da base de apoio ao governo após a votação de mudanças no Código Tributário Municipal.  Thuin foi criticado pelo líder do Governo na Câmara, vereador Álvaro Oliveira (Aqui).  (Saiba mais sobre a trajetória de Luciano Viana abaixo)


Luciano começou a carreira rival campista, mas foi no Americano que conseguiu projeção na brilhante campanha no Brasileiro da Série B em 1991. Na primeira fase, a equipe alvinegra foi campeã do grupo 4, conquistando 19 pontos em 14 jogos, classificando-se para as oitavas de final, desclassificando o CSA(AL) nas oitavas e o Santa Cruz(PE) nas quartas de final.  (leia mais abaixo)


Contudo, na semifinal da competição acabou desclassificado pelo campeão da temporada, o Paysandu. No Remo, Luciano foi campeão paraense e ídolo da torcida. (leia mais abaixo)



De volta a Campos, com a camisa do Americano, Luciano Viana foi figura fundamental nas conquistas da Taça Guanabara e na Taça Rio de 2002. Viana tornou-se o maior ídolo da torcida nas últimas três décadas, com dois gols no jogo do título contra o Vasco de Romário e Cia, na maior conquista do clube em nível estadual.  (leia mais abaixo)


Naquele ano, o Americano conquistou os dois turnos do Campeonato Estadual e seria campeão, mas a Federação de Futebol do Rio de Janeiro cedeu as pressões do Fluminense no ano de seu centenário e no meio da competição realizou mais um turno para o tricolor se tornar “campeão” naquele ano. (leia mais abaixo)


 




CONVOCAÇÃO: Cooperativa de crédito sul do Espírito Santo - Sicoob sul assembleia geral extraordinária digital edital de convocação




21/06/2021 17:05:31.




FCJOL apresenta live sobre educação e neurociência nesta segunda-feira

Encontro será exibido às 18h, no canal “FCJOL Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima”, no YouTube, com o tema “O Direto e a Arte em Construção da Cultura, Educação e Neurociência”




21/06/2021 17:05:49.

Nesta segunda-feira (21), a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), realizará, em seu canal no YouTube (AQUI), às 18h, mais uma live da programação do mês de junho. Com o tema “O Direto e a Arte em Construção da Cultura, Educação e Neurociência”, o encontro, mediado pela assessora jurídica da FCJOL, Andréa Sodré, terá as participações do neurocientista da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf), Arthur Giraldi Guimarães, e da professora de música Ana Carolina Borges Santos, aluna de Pesquisa e Extensão da Uenf. (leia mais abaixo)


“Nossa programação de lives vem oferecendo conteúdo variado, sempre buscando levar arte e informação ao público. Todos os nossos departamentos têm produzido material para o nosso canal, mostrando o resultado do nosso trabalho, construído ao longo dos últimos meses”, explica a presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas.




CPI dos Royalties defende negociação dos valores da dívida ativa do estado

O Estado do Rio conta hoje com R$ 100 bilhões a receber na Dívida Ativa, com R$ 38 bilhões de dívida ativa efetiva




21/06/2021 16:04:41.

O Estado do Rio conta hoje com R$ 100 bilhões a receber na Dívida Ativa, com R$ 38 bilhões de dívida ativa efetiva, passível de cobrança. A informação foi trazida pelo presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) que apura a queda na arrecadação de receitas compensatórias da exploração de petróleo e gás no estado, deputado Luiz Paulo (Cidadania), nesta segunda-feira (21/06). O colegiado se reuniu com representantes da Secretaria estadual de Fazenda (Sefaz-RJ), do Ministério Público estadual (MPRJ) e de outras instituições, para debater e buscar formas de aumentar a arrecadação de tributos na área de petróleo e gás.(leia mais abaixo)


Para o presidente da CPI, é fundamental discutir as possibilidades de negociação para viabilizar o pagamento das dívidas. “Nós deixamos de arrecadar R$ 500 milhões a cada ano. Trazer a transação para o debate é oportuno. Precisamos avançar na discussão de forma rápida e prática, ou não resolveremos a questão da dívida ativa”, declarou o deputado Luiz Paulo.(leia mais abaixo)


Representando o Ministério Público, a promotora Karine Cuesta destacou a ineficácia do Comitê Interinstitucional de Recuperação de Ativos do Estado (CIRA-RJ), que segundo ela poderia atuar de maneira intensa na negociação de dívidas, aumentando a arrecadação de receitas. “Nós temos o CIRA-RJ, que poderia atuar como câmara, mas não há nenhuma efetiva atuação. Nós, do MP-RJ, somos descrentes quanto a esta via”, criticou.(leia mais abaixo)


Auditor fiscal e assessor da Sefaz, Alex Gonçalves informou que a pasta está buscando utilizar o comitê de maneira adequada. “É possível sair do modo comum. Se a ideia é boa, vamos tentar. Nós estamos tentando utilizar o CIRA-RJ de forma correta, para recuperar ativos para o Rio de Janeiro. Nossa ideia é olhar para frente, arrecadar e possibilitar investimentos no desenvolvimento econômico do estado”, pontuou ele, informando ainda que a Sefaz já conta com um quadro de 28 auditores para a fiscalização das receitas do petróleo e do gás, e que a secretaria irá buscar dados minuciosos por campo de petróleo, permitindo maior transparência.(leia mais abaixo)


Desenvolvimento do mercado de gás

Outro tema de destaque na reunião foi o aumento da arrecadação de receitas e o desenvolvimento do mercado de gás no estado. Diretora executiva de Gás Natural do Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás (IBP), Sylvie D’apote destacou a importância de observar exemplos bem sucedidos de atuação do poder público em outros estados. “Uma das principais medidas tributárias seria equiparar o Rio de Janeiro às melhores práticas de outros estados, mapeando benefícios às indústrias do gás natural”, considerou.




Procon Campos suspende descredenciamento da Radmed feito pela Unimed

A decisão é da 4ª Vara Cível de Campos dos Goytacazes. O órgão já notificou a clínica sobre o teor da sentença, que está sujeita a recursos




21/06/2021 16:04:29.

O Procon Campos garantiu, através de decisão judicial proferida pela 4ª Vara Cível de Campos dos Goytacazes, a permanência do atendimento dos consumidores usuários da Unimed Campos na clínica Rad Med Diagnóstico por Imagem.(leia mais abaixo)


A nova gestão do Procon tomou ciência do processo em questão no início deste ano e, preocupada com o descredenciamento da Rad Med que concentra grande número de consumidores, principalmente no período de pandemia, em que um dos principais exames que diagnosticam a doença causada pelo Covid-19 é feito pela clínica, notificou os prestadores de serviço de diagnóstico por imagem credenciados à Unimed para conferir se a operadora possuía estrutura para realizar descredenciamento em pleno período pandêmico.(leia mais abaixo)


O resultado do levantamento feito pelo órgão foi entregue ao juiz que, em sentença entendeu que a operadora não preencheu os requisitos para descredenciar a Rad Med, devendo, portanto, manter a clínica em sua rede credenciada. O setor Jurídico do Procon já notificou a clínica sobre o teor da sentença e esclareceu a hipótese de multa imposta pelo juiz em caso de descumprimento. A sentença ainda está sujeita a recursos.(leia mais abaixo)


O processo que discute a matéria foi proposto pelo órgão em 2017, quando cerca de 3.425 consumidores questionaram se a operadora de plano de saúde teria capacidade para manter a mesma qualidade na prestação dos serviços com o contestável descredenciamento.(leia mais abaixo)


A secretária Executiva do órgão, Priscila Grace Nunes, esclarece que “não cabe ao Procon adentrar em questão contratual entre as empresas, entretanto, o consumidor ao contratar o plano conta com a gama de serviços ofertadas pela operadora, devendo, portanto, ser mantida a mesma qualidade dos serviços”, ressaltou. O trâmite processual ainda pode se prolongar, cabendo ao Judiciário decidir a questão.




Taxa extra cobrada na conta de luz deve subir mais de 60% a partir de julho

Os custos estão sendo calculados, e os novos valores devem ser anunciados ainda neste mês, para valer a partir de julho




21/06/2021 16:04:44.

O valor cobrado da bandeira vermelha 2, o patamar mais alto desse sistema, deve subir mais de 60%, de acordo com fontes que conhecem o assunto de perto. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai aumentar os valores das bandeiras tarifárias, uma taxa extra que é acionada quando o custo da geração de energia sobe, o que está acontecendo neste ano por causa da crise nos reservatórios das hidrelétricas.(leia mais abaixo)


Os custos estão sendo calculados, e os novos valores devem ser anunciados ainda neste mês, para valer a partir de julho. Hoje, é cobrado R$ 1,34 a cada cem quilowatts-hora (kWh) consumidos na bandeira amarela; R$ 4,16 na bandeira vermelha 1; e R$ 6,24 na vermelha 2. Na bandeira verde, não há cobrança adicional.(leia mais abaixo)


Pelos cálculos conduzidos pela Aneel, o novo valor da bandeira vermelha 2 deve ser de cerca de R$ 10. Analistas do setor estimam ser necessário algo próximo a R$ 12 na bandeira vermelha 2 para que ela consiga dar conta de cobrir os custos extras decorrentes da geração de energia por termelétricas.(leia mais abaixo)


Essa bandeira deve vigorar pelo menos até novembro, quando terá início o período úmido.(leia mais abaixo)


Custo de geração de energia

A bandeira tarifária é um adicional cobrado nas contas de luz para cobrir o custo da geração de energia por termelétricas, o que ocorre quando o nível dos reservatórios das hidrelétricas está muito baixo, como está ocorrendo neste ano por conta da crise hídrica.


O mecanismo também serve para o consumidor ficar ciente do custo da geração de energia, ao dividir o sistema em três cores: verde, amarela e vermelha (que tem dois patamares). Mesmo durante o período úmido, o governo deve manter as térmicas ligadas, o que não é o padrão.


Geralmente, recorre-se às térmicas quando chove menos ou no auge do período seco. O objetivo agora é guardar água nos reservatórios das hidrelétricas e, quando chover, fazer com que as barragens se encham, numa tentativa de evitar racionamento em 2022, ano de eleições.


O governo rechaça a possibilidade de racionamento de energia neste ano. O Brasil tem batido recordes de geração de energia por termelétricas desde maio, com o agravamento da crise.


Os dez dias com mais geração de energia por termelétricas na História do Brasil foram registrados em junho deste ano, de acordo com dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).


O país tem gerado cerca de 17 mil megawatts médios de energia por termelétricas diariamente neste mês, o que equivale a cerca de 25% da geração total de energia elétrica do país. Isso inclui térmicas a óleo e carvão, as mais caras e poluentes.(leia mais abaixo)


Limite para geração de termelétricas

A geração por hidrelétricas está girando em torno de 60% do total. O país ainda gera energia por meio de usinas eólicas, solares e nucleares.(leia mais abaixo)


Atualmente, o Brasil conta com 22 mil megawatts (MW) de potência em geração térmica, segundo o ONS, porém parte deste montante, cerca de 20%, está indisponível por diversas razões. Por isso, há um limite técnico para a geração por termelétricas.(leia mais abaixo)


De acordo com cálculos do Ministério de Minas e Energia, a geração extra por termelétricas irá custar R$ 9 bilhões aos consumidores neste ano. É por isso que a Aneel vai reajustar o valor cobrado nas bandeiras tarifárias, como uma forma de cobrir esses custos. O reajuste que está sendo preparado para as bandeiras será o primeiro aumento desde 2019.(leia mais abaixo)


Os valores foram mantidos em 2020 e a bandeira verde foi acionada de junho a novembro. Neste ano, a conta das bandeiras já está com um rombo de R$ 1,5 bilhão.(leia mais abaixo)


Todo o dinheiro arrecadado com a sobretaxa vai para uma conta única, que repassa os valores para os geradores de energia. Mas o valor arrecadado a mais ainda não está dando conta de cobrir o custo adicional.(leia mais abaixo)


Os dados da Aneel vão até abril, quando era aplicada a bandeira amarela. Depois disso, a geração por termelétricas aumentou e atingiu recordes. Também foi acionada a bandeira vermelha.(leia mais abaixo)


A Aneel defende as bandeiras porque, sem elaa, todo o custo extra seria repassado aos consumidores apenas no ano seguinte, com valores corrigidos. Ou seja, o consumidor acabaria pagando juros, o que não ocorre com o acionamento das bandeiras tarifárias.


Fonte: Extra




Subsecretaria de Políticas para Mulheres: live com especialista em Direito Penal

A subsecretária de Políticas para Mulheres, Josiane Viana, chama a atenção para os casos de feminicídio no Brasil




21/06/2021 14:02:25.

A subsecretária de Políticas para Mulheres, Josiane Viana, recebe na próxima quinta-feira (24), às 19h, a doutora em Direito Penal pela PUC-SP, Alice Bianchini, em uma transmissão ao vivo na página da Prefeitura de Campos, no Instagram @campos.pmcg.  O tema da live será Feminicídio: uma violência cultural ou histórica?  A live é uma prévia da Semana de Combate ao Feminicídio, que será realizada em julho. (leia mais abaixo)


Doutora Alice Bianchini é especialista em Direito das Mulheres e Violência de Gênero. Além de doutora em Direito Penal, ela é conselheira federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB); vice-presidente da Comissão Nacional da Mulher Advogada e vice-presidente da Associação Brasileira de Mulheres Jurídicas.  “Convidamos doutora Alice por toda experiência que ela possui nesta área e para que possamos ampliar a discussão de modo a encontrar possíveis soluções para frear esta violência”, explica Josiane Viana.(leia mais abaixo)


Segundo a subsecretária, o número de casos de violência contra a mulher vem crescendo e o feminicídio faz parte de uma triste realidade. “São estatísticas que, infelizmente, crescem no país e que também assustam no nosso município e na região. Só este ano, em seis meses, tivemos casos de feminicídio e duas tentativas, sendo uma envolvendo uma grávida e outra que deixou a vítima paraplégica. No ano passado todo, foram quatro feminicídios. Então, precisamos estar alertas, debater o tema, acabar com essa cultura machista que faz o homem se considerar proprietário de uma mulher e, deste modo, reverter esta situação”, afirma Josiane Viana, se referindo aos casos de violência envolvendo a questão do gênero.(leia mais abaixo)


As denúncias podem ser feitas através do Disque 100, serviço de atendimento telefônico gratuito, sigiloso e que funciona 24h, todos os dias, inclusive, aos sábados, domingos e feriados, além dos conselhos tutelares divididos por territórios, onde devem ser feitas denúncias de violação de direito das crianças e adolescentes. (leia mais abaixo)


A rede de proteção à mulher em Campos é composta por: Subsecretaria de Políticas para as Mulheres, Casa Benta Pereira, Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), Patrulha Maria da Penha e Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam). 




Avião com 1,5 milhão de doses da Janssen chega amanhã, diz ministro

Imunizante da Janssen contra covid-19 tem dose única




21/06/2021 14:02:21.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou hoje (21), em Brasília, que um avião com 1,5 milhão de doses da vacina contra covid-19, da farmacêutica Janssen, deve chegar ao Brasil às 6h45 de amanhã (22), no aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP). (leia mais abaixo)


O anúncio foi feito após uma previsão inicial, de receber 3 milhões de doses até 15 de junho, não ter sido confirmada. De acordo com o Ministério da Saúde, o envio foi cancelado pela própria Janssen, que não teria explicado os motivos.(leia mais abaixo)


Queiroga afirmou que a vacina da Janssen “é muito útil” por ser de dose única, proporcionando uma vacinação “mais rápida” da população. Ele não detalhou se as doses da vacina da Janssen serão direcionadas a algum grupo específico.(leia mais abaixo)


As declarações foram dadas durante audiência pública da Comissão Temporária da Covid-19, no Senado. O ministro voltou a afirmar que o governo planeja a vacinação - com ao menos uma dose - de 70% dos adultos até setembro, e a imunização completa de todas as pessoas acima de 18 anos até dezembro. (leia mais abaixo)


Para isso, a previsão é distribuir 60 milhões de doses em agosto e outros 60 milhões em setembro, além das 41 milhões confirmadas pela pasta para julho. O cronograma detalhado, contudo, ainda não foi divulgado pelo ministério.(leia mais abaixo)


“A gente ainda não divulgou o calendário detalhado desses imunizantes nos outros meses [agosto e setembro] porque ainda não temos confirmação dos laboratórios”, disse o secretário-executivo da pasta, Rodrigo Cruz.


Revacinação

O ministro Marcelo Queiroga foi questionado por senadores sobre notícias segundo as quais o Ministério da Saúde estaria preocupado com a baixa eficácia da vacina CoronaVac na população idosa, e se haveria a necessidade de revacinação dessa faixa etária.  (leia mais abaixo)


Os parlamentares perguntaram também se o ministério considera não assinar novos contratos de aquisição do imunizante, desenvolvido pela chinesa Sinovac e fabricada no Brasil pelo Instituto Butantan.(leia mais abaixo)


O ministro afirmou que a necessidade de uma eventual revacinação, em qualquer faixa etária ou grupo da população, precisa ser esclarecida por estudos científicos cujas respostas só devem estar prontas no ano que vem. “Pesquisas estão em encaminhamento. E o que o Ministério da Saúde tem que fazer é se programar para ter vacinas disponíveis para aplicar, num curto espaço de tempo, no ano de 2022, se for o caso”, disse.


Ele citou um estudo em andamento na cidade de Serrana (SP), cuja população foi toda vacinada com a CoronaVac. O ministro negou haver desconfiança em relação ao imunizante.  “Não há nenhum tipo de mudança de estratégia em relação a esse imunizante”, afirmou.


“O fato é que essa vacina tem sido útil para o Plano Nacional de Imunização, e essa é a posição oficial do Ministério da Saúde, até que exista algum dado científico que faça com que nós tenhamos uma posição diversa”, acrescentou Queiroga.(leia mais abaixo)


Outros assuntos

Durante a audiência, o ministro também negou que haja falhas no monitoramento da variante delta do novo coronavírus. Essa variante, identificada primeiro na Índia, tem sido temida por, aparentemente, apresentar maior potencial de contágio e hospitalização.(leia mais abaixo)


Ele confirmou a identificação de ao menos nove casos da variante delta no Brasil, mas afirmou que todos são monitorados e que “não há qualquer indício de transmissão comunitária dessa variante no Brasil”.(leia mais abaixo)


A respeito do retorno às aulas presenciais na rede pública de ensino, Queiroga destacou que não considera necessário ter 100% dos professores vacinados, uma vez que, com percentuais superiores a 80%, já seria possível controlar a transmissão da doença por meio do monitoramento de casos.(leia mais abaixo)


Ele afirmou que deve se reunir em breve com o ministro da Educação, Milton Ribeiro, o ministro-chefe da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, e o advogado-geral da União, André Mendonça, para discutir a possível volta de aulas presenciais em todo o Brasil a partir do segundo semestre. “Isso já tem acontecido em alguns estados e na própria iniciativa privada”, disse.


Fonte: Agência Brasil




Defesa Civil zera pontos de alagamento em Campo Novo e Venda Nova

As ruas de Venda Nova também já estão com acesso livre para carros e pedestres, sem pontos de alagamentos




21/06/2021 14:02:05.

A Defesa Civil concluiu o trabalho de drenagem em Campo Novo. Com o auxílio de uma motobomba, a equipe operacional realizou a sucção das águas pluviais e zerou os pontos de alagamentos daquela localidade. As ruas de Venda Nova também já estão com acesso livre para carros e pedestres, sem pontos de alagamentos.(leia mais abaixo)


“Apesar de toda a complexidade específica destes dois pontos, conseguimos sanar a questão e drenar toda a água acumulada de chuvas naquela região. Estamos seguindo o que preconiza o projeto de governo do prefeito Wladimir Garotinho e otimizando todos os nossos esforços para dar respostas o mais rápido possível e com maior eficiência para a população”, destacou o secretário de Defesa Civil, coronel Alcemir Pascoutto.




Doenças que dão direito a aposentadoria por invalidez

Para fazer a solicitação da aposentadoria por invalidez, o segurado do INSS precisa agendar uma perícia médica pelo site ou aplicativo




21/06/2021 12:12:55.

A aposentadoria por invalidez  é concedida ao segurado que realmente comprovar a sua incapacidade de retorno às atividades laborais. Esta poderá ser também total e permanente e também precisará ser constatada através de uma perícia do INSS.(leia mais abaixo)


Nesta leitura vamos abordar as 7 doenças que dão direito a aposentadoria por invalidez em 2021.(leia mais abaixo)


O que é a aposentadoria por invalidez?

Como falamos no primeiro parágrafo deste texto, a aposentadoria por invalidez ou aposentadoria por incapacidade permanente é o benefício concedido pelo INSS aos segurados que sofrem de algum tipo de incapacidade permanente ou sem cura, que o impossibilite totalmente para qualquer trabalho ou atividade laborativa que lhe garanta a sua subsistência.(leia mais abaixo)


O benefício é pago enquanto persistir a invalidez e uma avaliação pode ser feita a cada dois anos pela perícia médica do INSS.  Quando a perícia médica constatar a incapacidade permanente para o trabalho, sem possibilidade de reabilitação para outra função, a aposentadoria por invalidez será indicada.(leia mais abaixo)


Todo segurado considerado incapaz de exercer suas atividades no trabalho e, com isso, não ter como prover sua subsistência, tem direito a receber a aposentadoria por invalidez.(leia mais abaixo)


O que é o auxílio-doença?

Já o auxílio doença deve ser solicitado quando uma enfermidade ou um acidente deixa o segurado incapaz de exercer suas atividades temporariamente. Ou seja, o que vai diferenciar estes dois benefícios é o tempo em que o segurado ficará incapacitado para o trabalho.(leia mais abaixo)


Para ter direito a esse benefício, o trabalhador precisa ficar incapaz para voltar ao ambiente de trabalho por mais de 15 dias consecutivos, estar na qualidade de segurado e estar contribuindo há pelo menos 12 meses.(leia mais abaixo)


7 doenças que dispensam  a carência da Aposentadoria por Invalidez

Existe uma lista de doenças que podem dispensar a exigência da carência para o recebimento deste benefício, conforme o que está disposto  no art. 151 da lei 8.213/91 e no anexo XLV, da IN 77/2015 e atualmente conta com algumas enfermidades, confira agora 7 dessa lista: (leia mais abaixo)


AIDS/ HIV:

Parkinson

Hanseníase

Epilepsia

Alienação mental

Esclerose múltipla

Covid-19


Como solicitar a aposentadoria por invalidez?

Para fazer a solicitação da aposentadoria por invalidez, o segurado do INSS precisa agendar uma perícia médica pelo site ou aplicativo “Meu INSS” (meu.inss.gov.br) ou pela Central de Atendimento 135.(leia mais abaixo)


Mas é importante saber que a perícia médica do INSS deve acontecer a cada dois anos para comprovar que o segurado permanece inválido.  Ela só é isenta para maiores de 60 anos e os maiores de 55 anos com mais de 15 anos em benefício por incapacidade, de acordo com a Lei nº 8.213/1991 Art. 101 §1º incisos I e II.(leia mais abaixo)


Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. (leia mais abaixo)


Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática: (leia mais abaixo)


Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.




Faltam 5 meses para o Enem: veja 5 passos para se preparar sozinho

Prova será aplicada em 21 e 28 de novembro, nas duas versões: impressa e digital. Professores de cursinhos pré-vestibular dizem que ainda dá tempo de estudar – desde que haja organização




21/06/2021 11:11:07.

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 será aplicado nos dias 21 e 28 de novembro deste ano. A exatos 5 meses da prova, ainda dá tempo de se preparar sozinho em casa e ter um bom resultado? (leia mais abaixo)


Segundo professores ouvidos pelo G1, sim. Mas é preciso ter disciplina, montar um cronograma e estabelecer uma rotina de estudos. (leia mais abaixo)


1- Monte um calendário (e considere imprevistos)


Até o dia 31 de maio, antes de o ministro da Educação falar as datas do Enem no Twitter, os candidatos sequer sabiam se fariam a prova ainda neste ano ou só em 2022. Depois, com a publicação do edital e a confirmação do calendário, tornou-se possível pensar em como dar conta, no tempo que resta até a avaliação, de todos os conteúdos cobrados nela. (leia mais abaixo)


Você vai estudar de segunda a sexta-feira? Ou de segunda a sábado? Quantas horas por semana? É importante definir tudo isso ao montar um cronograma de estudos.


E não adianta pensar exatamente no número de dias que faltam até a prova: considere que você pode ficar doente ou ter algum compromisso. (leia mais abaixo)


"O cronograma precisa ter essa margem de segurança, para que você garanta que vai chegar ao Enem sem o risco de ter ficado sem estudar algum conteúdo", explica Márcio Guedes, coordenador do curso Poliedro, em São José dos Campos (SP). (leia mais abaixo)


2- Escolha um material didático principal


Imagine distribuir, no seu cronograma, os conteúdos de matemática, física, química, história, geografia, biologia, linguagens... Não é fácil, sem a ajuda de um professor, montar um programa de estudos. (leia mais abaixo)


Uma boa dica é escolher um material didático no qual se basear.


"Se não for possível comprar os livros de ensino médio, dá para pegar apostilas de cursinho emprestadas de amigos - ou comprá-las em sebos. Existem também obras gratuitas on-line. O importante é escolher uma referência para saber os tópicos que precisam ser estudados", diz Guedes. (leia mais abaixo)


Nada impede, claro, que você use outros materiais como apoio - vídeos avulsos, filmes ou sites específicos, por exemplo.


Levantamentos dos temas mais abordados no Enem também podem ser úteis para eleger os conteúdos prioritários no seu cronograma. Tópicos como "Segunda Guerra Mundial" e "República Velha", por exemplo, foram abordados com mais frequência nos últimos anos do que "sistema colonial", segundo levantamento do Poliedro. (leia mais abaixo)


3- Faça simulados em casa


Todas as provas antigas do Enem estão disponíveis no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Elas são um ótimo instrumento para estudar, diz o professor Heitor Ribeiro, coordenador do Curso Anglo. (leia mais abaixo)


Ele recomenda organizar, com frequência, um simulado com a mesma duração da prova: de 5h a 5h30. Pode ser no seu quarto, em silêncio, com um lanchinho e uma garrafinha d'água. Dessa forma, você pode adquirir condicionamento físico e mental.


"Depois, ao corrigir as questões, o aluno conseguirá descobrir em que assuntos tem mais dificuldade. Ou detectar quais precisam apenas de uma revisão mais superficial. Isso ajuda a montar o esquema de estudo", afirma Ribeiro. (leia mais abaixo)


4- Treine escrever redações e leia exemplos 'nota mil'


Você já deve imaginar que escrever, a cada semana ou quinzena, uma redação nos moldes do Enem é fundamental para ter um bom desempenho na prova. Mas, se está estudando sozinho em casa, como saber que está no caminho certo? (leia mais abaixo)


Uma recomendação é ler os textos que receberam nota máxima nas edições anteriores (veja exemplos do Enem 2020). "Você pode comparar com o que escreveu e ver se está próximo daquele formato", recomenda Ribeiro.


"Outra dica é trocar sua redação com a de amigos [um corrige a do outro]. Isso pode ajudar até na ampliação do próprio repertório." (leia mais abaixo)


Guedes, do Poliedro, dá ainda mais uma ideia. "Sei que existe uma limitação de grana. Mas vale a pena juntar um dinheiro, se possível, e contratar um professor particular para corrigir três textos e dar uma devolutiva com dicas de escrita", afirma. "E é bom ficar de olho em iniciativas gratuitas na internet, com correção de textos para os candidatos que não podem pagar a mensalidade de um cursinho." (leia mais abaixo)


5- Cuide da saúde emocional


A pressão que candidatos do Enem sofrem já costuma ser grande no ano em que farão o exame. Durante a pandemia, outras preocupações somam-se a essa ansiedade típica do vestibulando: medo de contrair Covid-19, aumento do desemprego e das dificuldades financeiras, luto pela perda de familiares e amigos, redução nas possibilidades de lazer... (leia mais abaixo)


É ainda mais importante, portanto, cuidar da saúde psíquica. "O aluno que se sobrecarrega pode acabar piorando seu estado emocional. Caso não esteja em um bom dia, não se obrigue a fazer um simulado exatamente nessa data", diz Guedes. "Ouça seu corpo sinalizando que você não está bem."


Ele também contraindica mudanças bruscas na rotina. (leia mais abaixo)


"Se não estava estudando nada até agora, não dá para passar a ficar 12 horas por dia se preparando para o Enem. Precisa ser um processo gradual."


E, por último, Guedes sugere conversar com outras pessoas que estejam passando pela mesma etapa. Pode ser em chamada de vídeo ou por mensagem escrita, por exemplo. (leia mais abaixo)


"É bom trocar experiências e tirar dúvidas. Quando você está no cursinho, vê que um aluno tem dificuldade, que outro não conseguiu estudar tanto. Em casa, a sensação de solidão é maior. Faz bem criar uma comunidade e perceber que outras pessoas estão passando pelas mesmas dificuldades que você", afirma o professor.


Fonte: G1




Macaé: Secretário da Casa Civil morre de Covid-19

O prefeito Welberth Rezende decretou luto oficial de três dias




21/06/2021 11:11:53.

Macaé amanheceu mais triste nesta segunda-feira (21). Morreu, o ex-vereador, ex-Presidente da Câmara Municipal de Macaé, e atual secretário Municipal da Casa Civil, Dr, Eduardo Cardoso Gonçalves da Silva, de 70 anos, vítima de Covid-19. (leia mais abaixo)


Ele teria contraído o vírus há cerca de 40 dias, e logo foi internado em um hospital particular em Macaé. Nos últimos dias, ele apresentou significativa melhora no seu estado de saúde, sendo inclusive extubado. Mas nesta madrugada, não resistiu às complicações e faleceu.(leia mais abaixo)


O prefeito de Macaé Welberth Rezende decretou luto oficial de três dias no município.(leia mais abaixo)


Casado com a Professora Bernadete Coutinho, o macaense Dr. Eduardo ocupava atualmente o cago de Secretário da Casa Civil, tendo exercido sete mandatos de Vereador e por seis vezes atuou como Presidente da Câmara Municipal de Macaé. Foi eleito pela primeira vez em 1992.(leia mais abaixo)


Prefeitura divulgou nota de pesar e lembra o legado de Dr. Eduardo. Veja abaixo.


É com lamento e muito pesar que a Prefeitura de Macaé comunica o falecimento de Dr. Eduardo Cardoso, secretário Municipal da Casa Civil. O sorriso fácil que sempre o acompanhou, vai ficar marcado em quem o conheceu. Nascido em 29 de outubro de 1950, Dr. Eduardo deixa esposa, dois filhos, uma neta. (leia mais abaixo)


Macaense de família simples, Eduardo Cardoso Gonçalves estudou nos Colégios Estaduais Matias Neto e Luiz Reid, se formando em medicina pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Como cirurgião obstetra atuou por muito tempo no Pronto Socorro Municipal e no Hospital São João Batista.(leia mais abaixo)


Foi eleito vereador pela primeira vez em 1992, e reconduzido ao cargo nas seis eleições seguintes. Neste período, assumiu a presidência da Câmara em seis oportunidades, com mandato mais recente encerrado em 2020.(leia mais abaixo)


Eduardo Cardoso deixa um legado político importante na construção de Macaé. Como presidente da Câmara foi responsável pela realização do primeiro concurso público da história do Legislativo e trabalhou muito para a valorização do servidor público. Criou o Centro Cultural do Legislativo com o Museu e a Escola do Legislativo (buscando capacitação na gestão pública).(leia mais abaixo)


Como Secretário municipal de Saúde foi responsável pela entrega das duas UPAs (Barra e Lagomar), criação do SAMU 192, Pronto Socorro da Imbetiba, Farmácia Municipal, ampliou os serviços do Hospital da Serra com cirurgias de média complexidade e tornou a saúde bucal uma referência com o CEO (Centro de Especialidades Odontológicas) com atendimento de urgência 24h. Foi destaque na revista Veja (novembro 2011) colocando Macaé com o menor índice de mortalidade infantil do Brasil.(leia mais abaixo)


Na atual gestão, Dr. Eduardo foi um dos grandes responsáveis pela transparência do processo da vacinação contra a Covid-19, sendo presidente da Comissão Vacina Macaé.(leia mais abaixo)


Médico obstetra apaixonado pela profissão,flamenguista fanático e ícone na Política Macaense, Dr. Eduardo fez da sua vida um grande atendimento a população. Sem deixar de lado as suas caminhadas diárias pelo calçadão da Imbetiba, com seu companheiro, o cachorro Zico.


*Com informações do Acontece em Macaé




Fiocruz faz alerta para piora da pandemia no inverno, que começa hoje

Segundo os pesquisadores, o padrão de transmissão do Sars-CoV-2 no país ainda é “extremamente crítico”




21/06/2021 10:10:00.

O inverno começa nesta segunda-feira, 21, e com a mudança da estação vem um alerta importante. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) atenta para a possibilidade de um agravamento da pandemia da covid-19 já nas próximas semanas. Segundo os pesquisadores, o padrão de transmissão do Sars-CoV-2 no país ainda é “extremamente crítico”.(leia mais abaixo)


De acordo com o Boletim do Observatório Covid-19 Fiocruz, e 30 de maio a 12 de junho, houve um pequeno crescimento das taxas de incidência (casos novos) e de mortalidade no Brasil, com a manutenção de um platô elevado de transmissão da covid-19.(leia mais abaixo)


As taxas de ocupação de leitos de UTI Covid-19 para adultos no Sistema Único de Saúde (SUS) mostram que o quadro geral ainda é muito preocupante. Dezoito estados e o Distrito Federal apresentam taxas de ocupação de pelo menos 80%, sendo que em oito deles as taxas de ocupação são iguais ou superiores a 90%. Em relação às capitais, 16 delas estão com taxas de ocupação de pelo menos 80% e 9 com taxas iguais ou superiores a 90%.(leia mais abaixo)


A Fiocruz ainda alerta que é essencial continuar reforçando as medidas de prevenção, como o uso correto de máscaras e manter distanciamento físico e social, sempre que possível. “Somente desta forma haverá como conter a disseminação do vírus, enquanto o país não consegue avançar na cobertura vacinal adequada nas faixas etárias mais jovens”.(leia mais abaixo)


Máscara PFF2

Com a aceleração dos casos de covid-19 e o surgimento de variantes, o uso de máscaras PFF2 se apresentam como mais seguras que as de tecido. Esse modelo profissional possui um filtro eficiente para retenção de partículas contaminadas, os chamados aerossóis, que podem ficar suspensos no ar por horas, especialmente em ambientes sem ventilação. O poder de filtragem da PFF2 é superior a 95%.(leia mais abaixo)


Existem modelos com válvula, mas o mais recomendado é o sem esse mecanismo. Isso porque a válvula de exalação permite que o ar quente expelido pelo usuário saia de dentro da máscara sem ser filtrado. Dessa forma, se a máscara estiver sendo usada por uma pessoa contaminada, isso vai expor as outras pessoas que estão à volta.


Fonte: MSN




Jornalista e apresentador de 53 anos morre de Covid

Ele foi o fundador do jornal Potiguar Notícias




21/06/2021 10:10:37.

O jornalista José Alves Pinto Júnior, de 53 anos, morreu na madrugada deste sábado (19), em Natal, no Rio Grande do Norte, devido a complicações da Covid-19. Ele foi o fundador do jornal Potiguar Notícias, que circulou por quase 20 anos na cidade.(leia mais abaixo)


De acordo com o G1, ele estava internado no Hospital da Unimed, o jornalista deixa a esposa e dois filhos.(leia mais abaixo)


Além do jornal, também criou o portal Potiguar Notícias e o PNTV. Também trabalhou em outras emissoras de TV e rádio onde chegou a apresentar programas jornalísticos.


Fonte: Notícias Ao Minuto




Saque emergencial do FGTS vai começar nos próximos dias?

Infelizmente, o saque emergencial do FGTS não será disponibilizado em 2021




21/06/2021 09:09:39.

O saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) é uma medida que vem sendo aguardada pelos trabalhadores desde o final do ano passado, quando o governo divulgou a informação de que a medida que permitiu o resgate de até um salário mínimo das contas ativas e inativas do fundo no ano passado poderia vir a ser disponibilizada também em 2021.(leia mais abaixo)


E quando começam os saques?

Infelizmente, o saque emergencial do FGTS não será disponibilizado em 2021, segundo nota enviada pelo ministério da Economia, o governo não tem interesse na liberação este ano, pois direcionou seus esforços a medidas emergenciais com maior impacto ao público diretamente atingido pela pandemia da covid-19.(leia mais abaixo)


Confira algumas medidas já tomadas pelo governo para o enfrentamento da pandemia este ano.(leia mais abaixo)


Antecipação dos pagamentos de 13º de aposentados

Auxílio Emergencial (que inclusive será prorrogado)

Adiamento da cobrança de tributos

Programa que permite suspensão de contrato e corte de jornada e salário de trabalhadores, com compensação financeira parcial pelo governo


Inviabilidade do saque

Outro ponto que dificultou a liberação do saque emergencial do FGTS 2021, foi a liberação dos saques nos últimos dois anos, para quem não se recorda, além da liberação do saque emergencial do Fundo de Garantia em 2020, o governo liberou o saque imediato em 2019, que também possibilitou aos trabalhadores o resgate de até um salário das contas vinculadas ao fundo.(leia mais abaixo)


Além disso, conforme o conselho curador do FGTS, responsável pelas ações do fundo, a possível liberação de saque de recursos aos trabalhadores era muito preocupante visando a estabilidade do programa.(leia mais abaixo)


“Estamos tentando contornar eventuais medidas adicionais voltadas à pandemia que podem fragilizar o fundo e sua sustentabilidade. Ano passado foi um ano de bastante estresse para o fundo”, afirmou.(leia mais abaixo)


Para o secretário, é importante dar tempo para o fundo “se recuperar”.




Vacinação contra a Covid-19 hoje em Campos; veja idades e grupos

Campos imuniza com 1ª dose da Pfizer e 1ª e 2ª doses da CoronaVac




21/06/2021 09:09:29.

Campos vacina nesta segunda-feira (21), três grupos contra a Covid-19. Confira abaixo quem são as pessoas que serão vacinadas com a 1ª dose da Pfizer e 1 e 2ª doses da CoronaVac. 


Gestantes sem comorbidades com 35 anos ou mais

A Secretaria de Saúde vai ampliar a aplicação da vacina para gestantes sem comorbidades, com idade acima de 35 anos, a partir de segunda-feira (21). Esse grupo prioritário será imunizado exclusivamente com a vacina CoronaVac. Também está mantida a aplicação da 1ª e 2ª doses da CoronaVac para as grávidas de alto riso e puérperas com comorbidades.


LOCAIS DE VACINAÇÃO: Prédio Anexo ao Hospital Planadores de Cana (antigo CRDI), Centro de Referência e Tratamento da Mulher (CRTM) e Drive Guarus Plaza Shopping.


Portadores de deficiências intelectuais e permanentes com menos de 18 anos, pais, cuidadores e tutores

Nesta segunda-feira (21) será retomada a primeira dose da vacina contra a Covid-19 para pessoas com deficiências intelectuais e permanentes e amplia a idade para 35 anos ou mais. Também serão imunizados os pais, cuidadores e tutores dos portadores de deficiências intelectuais e permanentes com idade abaixo de 18 anos.


LOCAIS DE VACINAÇÃO: DRIVE UENF, DRIVE IFF CENTRO, SECRETARIA DE SAÚDE, CLUBE DA TERCEIRA IDADE, FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ESPORTES (FME) - ANTIGA AABB, CRECHE ESPLANADA, ESCOLA MUNICIPAL PEQUENO FREDERICO (URURAÍ), UBS MORRO DO COCO, UBS TOCOS, UBS CONSELHEIRO JOSINO, UBS DE ESF LAMAGAR (FAROL) e UPH DE TRAVESSÃO.


Homens com 50 anos ou mais podem ser imunizados

Hoje também serão vacinados homens com 50 anos ou mais. O imunizante usado será o da Pfizer.


POSTOS DE VACINAÇÃO: Drive-thru Uenf, Drive-thru Instituto Federal Fluminense (IFF/Centro), UBS Poço Gordo, UBS Parque Prazeres, Creche Esplanada, UBS Penha, Fundação Municipal de Esportes, Escola Pequeno Frederico (Ururaí), Clube da Terceira Idade, ESF Lagamar (Farol), ESF Morangaba, UBS Tocos, UBS Conselheiro Josino, UBSF Ponta da Lama, UBS Santa Maria, UBSF IPS, ESF Santa Helena, UBS Parque Eldorado, UPH de Travessão, UPH Morro do Coco, UBSF Aldeia, UBSF Santa Cruz, UBSF Lagoa de Cima e Patronato São José.