23/05/2022, 18h47, Foto: Campos 24 Horas

(Vídeo da entrevista ao final desta publicação) - A ex-governadora Rosinha Garotinho esteve presente no lançamento do programa Bairro Legal, nesta segunda-feira (23), no Parque Julião Nogueira, ao lado do filho e prefeito Wladimir Garotinho (sem partido). Em entrevista ao Campos 24 Horas, Rosinha também falou sobre política municipal e eleição para o governo do Estado. Ela criticou integrantes da oposição de Campos que, segunda ela, não cobravam ao ex-prefeito Rafael Diniz solução para os problemas da cidade. Ainda demonstrou descontentamento com o governador Cláudio Castro (PL) na administração da questão política a respeito do confronto entre Wladimir e o deputado Rodrigo Bacelar (SD). (leia mais abaixo)


“Wladimir está indo muito bem como prefeito de Campos. As contradições, elas sempre existiram e vão continuar existindo. A população saberá entender este momento onde Wladimir tem se esforçado bastante para trazer de volta a administração que estava ausente no governo Rafael Diniz e sabendo entender que a oposição, ferrenha contra Wladimir, são as mesmas pessoas que apoiaram Rafael Diniz e nunca reclamaram quando Rafael deixou de fazer".  (leia mais abaixo)


A ex-governadora demonstrou descontentamento com o governador Cláudio Castro (PL) na administração da questão política no confronto entre Wladimir e o deputado Rodrigo Bacelar (SD), atual secretário estadual de Governo, Rodrigo Bacelar (SD), adversários políticos do grupo liderado por Garotinho. “O governador perdeu a mão na política, deixando que o adversário político nosso aqui tomasse conta de parte da política contra Wladimir. Ele teria que ter mediado esta situação. Não dá para apoiar quem apoia nosso adversário”.  (leia mais abaixo)


BAIRRO LEGAL - "Fico muito feliz com a retomada do Bairro Legal por Wladimir em vários lugares, onde a população não vai se incomodar mais com problemas de saneamento ou alagamentos. Por melhorar a infraestrutura dos bairros, é um projeto muito importante para a cidade. Quando fui prefeita eu fiz muito (Bairro Legal), mas pelo fato de Campos ser uma cidade muito grande, falta muito ainda por fazer — afirmou Rosinha. (leia mais abaixo)


Ela admitiu que poderá participar da campanha do marido e também ex-governador Anthony Garotinho na disputa da sucessão estadual este ano, caso o União Brasil lhe conceda a vaga de candidato. “Eu creio que ele agora, como pré-candidato, vai pontuar nas pesquisas de intenção de voto e estará no segundo turno”, finalizou. Veja vídeo da entrevista abaixo:


Entre para nosso
Grupo WhatsApp

Fique sempre bem informado sobre as últimas notícias!