14/06/2022, 16h17, Foto: Divulgação

Policiais civis da 118ª DP (Araruama) prenderam, nesta terça-feira (14/06), um pastor acusado de estupro de vulnerável. As vítimas seriam duas menores da mesma família, que eram filhas de membros de sua igreja. Ele foi localizado no bairro Ampliação, em Itaboraí, após trabalho de inteligência e monitoramento. Contra ele foi cumprido um mandado de prisão de decretado pela Justiça. (leia mais abaixo)


Segundo as investigações, uma das vítimas foi violentada pelo menos três vezes, quando tinha 11 anos. Os crimes ocorriam no trajeto da casa da menina para igreja, tendo em vista a confiança da família no pastor. Ele parava seu carro antes de chegar à igreja e, dentro do veículo, abusava sexualmente da menor. (leia mais abaixo)


A segunda vítima tinha 17 anos na época. Ela procurou o pastor em um momento de fragilidade, relatando um assédio sofrido por outra pessoa. O acusado se prontificou a buscá-la no local e, também no trajeto, a violentou no interior do automóvel. Em outra ocasião, a família da jovem pediu que ele a buscasse no curso, ocorrendo novo estupro.

Entre para nosso
Grupo WhatsApp

Fique sempre bem informado sobre as últimas notícias!